Informação e Aconselhamento sobre Saúde Sexual Reprodutiva e Direitos

Informação e Aconselhamento sobre Saúde Sexual Reprodutiva e Direitos

miudosO acesso aos serviços de saúde é em grande medida informado pelas limitações de caracter estrutural. Um estudo realizado pela OMS em 2007 indica que os factores socioeconómicos contribuem em 61% para a desigualdade na obtenção de um parto por pessoal qualificado, enquanto 39% destes factores prendem-se com a qualidade dos serviços de saúde. Os factores determinantes para o pleno gozo da SSRD estão associados, entre outros, ao acesso à informação e a serviços, mas também, a elementos socio-culturais que determinam o tipo de informação a que as pessoas têm acesso, as escolhas que podem fazer e a liberdade que têm para tomar decisões informadas sobre a sua saúde, limitando a adopção de comportamentos considerados seguros e saudáveis.

A componente de informação e comunicação da intervenção Tua Cena tem como objectivo mitigar o impacto dos determinantes socioculturiais que inibem o acesso à informação e serviços de saúde de SSR, através da disseminação de informação, do aconselhamento aos adolescentes e jovens e o encorajamentoà adopção de comportamentos saudáveis e preventivos. No centro da abordagem estratégica de comunicação para mudança social e de comportamento sobre SSRD está o uso dos meios de comunicação de massa (TV & Rádio e meios impressos), desenvolvidos adoptando uma metodologia conhecida como “edutenimento” (edutainment). Através dos programas Tua Cena na Televisão e na Rádio, que alcançam audiências massivas, a N´weti facilita espaços de entretenimento e de educação como forma de aumentar o conhecimento sobre SSRD, influenciando atitudes e catalizando mudanças evidentes e favoráveis no comportamento dos adolescentes e jovens.

O desenvolvimento dos produtos de informação e comunicação, bem como dos recursos de aconselhamento, é informado por pesquisas rigorosas de carácter formativo e sumativo, incluindo pré-testagens dos diferentes materiais, consultas a especialistas e actores-chave da área, governo e representantes da audiência-alvo. Os materiais e intervenções de comunicação são desenvolvidos em parceria com os detentores dos direitos e plataformas da Sociedade Civil, garantindo a inclusão de diferentes perspectivas e uma propriedade partilhada dos materiais e da intervenção. Entre os diversos produtos do Tua Cena destacam-se:

  • Programa “Tua Cena” sobre SSRD veiculado na Rádio e na Televisão
  • Revistas “Tua Cena” sobre SSRD e Planeamento Familiar. 1,000,000 de cópias impressas e distribuídas nas escolas secundárias, SAAJs e Cantinhos Biz, dos locais de intervenção do projecto.
  • Brochuras sobre direitos, deveres e padrões de qualidade de serviços de SSR prestados pelo Sistema Nacional de Saúde, distribuídas nas comunidades onde o projecto opera.
  • Carta do Utente: adaptação do documento do MISAU em Português, Changana e Macua. A Carta do Utente tornou-se numa ferramenta-chave no contexto da disseminação de informação sobre direitos e deveres que os cidadãos têm em relação à SSRD e à provisão e monitoria dos serviços nessa área.

M-Health – A Plataforma Tua Cena é um espaço digital interactivo que congrega um conjunto de meios de comunicação como SMS, Facebook, chamadas voz e emails. Através da Plataforma Tua Cena, adolescentes e jovens têm a oportunidade de interagir com a N'weti para aceder a informação e esclarecer dúvidas sobre a sua SSRD, de forma conveniente, anónima e discreta. Cada uma das mensagens recebidas através da plataforma é respondida pela equipa de conselheiros da N'weti, em tempo real. Durante o período piloto, a N'weti interagiu com mais de 17,000 adolescentes e jovens, o que demonstrou um grande interesse e demanda por informação sobre SSRD entre este grupo populacional e confirmou o potencial das novas tecnologias de comunicação como veículos de promoção de saúde.

A plataforma Tua Cena é também uma ferramenta importante para a monitoria da qualidade dos serviços. Através da plataforma, adolescentes e jovens podem anonimamente denunciar actos de mau atendimento e pequena corrupção por provedores de saúde, episódios de violação dos seus direitos sexuais e reprodutivos, mau uso da coisa pública, disponibilidade de medicamentos, entre outros. A expectativa é que, desta forma inovadora, possamos cada vez mais alcançar cidadãos com informação sobre os direitos, deveres e colher evidências sobre a qualidade dos serviços de SSR prestados pelo Sistema Nacional de Saúde.

miudos

Parceiros